Yasmine, “Tayanna”: la kizomba che canta l’amore di mamma


Cosa c’è di più tenero e prezioso che di un bambino? Yasmine in questo “Tayanna” dedica i suoi pensieri a tutte le mamme del mondo che danno tutto per i propri cuccioli. Le note del pianoforte introducono il brano prodotto da Badoxa e To Semedo mentre il video strappa lacrime è stato realizzato da Wilsoldiers.

La presenza di un figlio cambia il modo di amare, la vita stessa. Ma anche un incoraggiamento a non aver paura, disegnare la propria strada. Emblematico questo passaggio: “Qualunque cosa tu voglia, ti darò, anche oltre la terra e il mare, nel nostro regno sei tu che regnerai … Tu sei la mia definizione di amore, tutto il resto è senza valore, così piccolo e non sai cosa sei per me”.

Il brano fa parte dell’ultima top10 maggio 2019 e conferma i bei segnali offerti da questa cantante che abbiamo già avuto modo di apprezzare nei vari “Vero leba“, “Não posso“, “Nha Rei e nelle collaborazioni con Badoxa in “Já não sei” o in “Perfume“.

Yasmine Tayanna

TESTO DELLA CANZONE

Não foi preciso te ver
Para saber que eras tu,
quem iria mudar minha forma de amar, transformar minha vida a
Se te disser que o medo não tomou conta de me,
estaria a mentir, eu não estava pronta para ti.
Mas os beijos suaves e do amor, nas noites de frio nosso calor,
assim eu quis trazer – te para mim,
dos choros e discussões de alguma forma os nossos
corações encontravam o caminho de volta e assim…
Cada passo que tu deres,
não tenhas medo desenha o teu caminho, fica nosso segredo.
Esquecemos o mundo para te receber e sem filtros
nenhuns queremos te fazer ver, nascemos para te ver viver.
Em dias de chuva,
vou buscar o sol só para te aquecer e se
estiveres triste farei de tudo só para não sofreres.
Seja o que quiseres eu vou te dar,
mesmo para além da terra e do mar,
no nosso reino és tu quem vai reinar…
És a minha definição de amor, todo resto já não tem valor,
tão pequena e não sabes o que és para mim, tenho incertezas,
indecisões, de alguma forma os nossos
corações encontravam o caminho de volta e assim…
Cada passo que tu deres,
não tenhas medo desenha o teu caminho fica nosso segredo
Esquecemos o mundo,
só para te receber e sem filtros nenhuns
queremos te fazer ver, nascemos para ti ver viver
Por mais que o mundo desabe,
vamos estar aqui e tu sabes não há tempestade que nos possa abalar
Por mais que o mundo seja frio,
coisa como tu o mundo nunca viu, não há mal nenhum que chegue a ti